Sexta-feira, 1 Junho, 2012

SHACKLETON Music For The Quiet Hour / The Drawbar Organ EPs 2CD

€ 14,95 2CD Woe to The Septic Heart  ENCOMENDAR

[audio:http://www.flur.pt/mp3/SEPTICCD001-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SEPTICCD001-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SEPTICCD001-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SEPTICCD001-4.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SEPTICCD001-5.mp3]

Shackleton mergulha mais fundo no seu mundo de som e isso significa estar cada vez menos alinhado pela corrente dubstep com a qual era identificado. A incrível viagem proporcionada pela sua selecção para a série de CDs do clube Fabric tem, de certa forma, continuação neste duplo que reúne alguns EPs antes disponíveis apenas em vinil. A tradição do experimentalismo sónico com um coração exótico atinge aqui uma expressão muito completa. A decadência de um mundo ultra-moderno funde-se com os tambores e as folhagens ocultas na selva profunda. Ouvimos música tensa, que anuncia acontecimentos só possíveis de materializar na nossa imaginação. A interpretação que Shackleton faz da herança dub é magnífica, até porque não é imediatamente perceptível, obrigando não a uma descodificação mas a uma atenção dedicada – como em tanta outra música, somos amplamente recompensados se quisermos / pudermos dedicar a atenção devida ao que se passa. A parte 5 de “Music For The Quiet Hour”, que encerra o primeiro CD, tem a participação de bedouin Ascent, um dos nomes fundamentais, durante os 90s, na subversão do padrão drum & bass oriental que se tornou norma. Ele apontava para uma terra de ninguém, como Shackleton agora acede a níveis superiores de composição para mapear novos territórios.

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , / / Comentar: aqui »