Quinta-feira, 9 Maio, 2013

OMAR-S Thank You For Letting Me Be Myself CD / 2LP / 2LP

€ 19,50 € 16,95 CD FXHE

€ 20,95 2LP (Part 1) FXHE

€ 20,95 2LP (Part 2) FXHE

[audio:http://www.flur.pt/mp3/FXHE7000-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/FXHE7000-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/FXHE7000-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/FXHE7000-4.mp3,http://www.flur.pt/mp3/FXHE7000-5.mp3]

Depois de um álbum com um título justificadamente arrogante (“It Can be Done But Only i Can Do It”), Omar reconhece a atenção que tem merecido nomeando o novo longa-duração em agradecimento a todos os que o apoiam e apreciam a sua maneira de ser. A capa mostra, em fundo, provavelmente um dos lagos que circundam a área metropolitana de Detroit, mais uma vez fixando a localização como determinante no orgulho que é transportado para esta música. E não há como negar: novo óptimo conjunto de faixas de produção Omar S, sem par há uma década, trabalhando na evolução de um género, transcendendo as suas fronteiras e, ele próprio nos escreveu, parafraseando o título de uma das faixas no álbum: “It’s Money in the D”. Querendo dizer que a economia local também sobrevive com o seu contributo. É tão melancólico como rude, e nesse euqilíbrio está a sua personalidade. “Thank You For Letting Me Be Myself” pode ser interpretado teoricamente como um amolecer de meia-idade mas, na prática, revela um produtor de house vital para os acontecimentos de Hoje. Mais um hit vocal em “Rewind” e nem é preciso nomear mais faixas para saber que é um álbum importante. Não é cansativo dizer isto, é só verdade.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , / / Comentar: aqui »