Quinta-feira, 14 Novembro, 2013

FIRE! (Without Noticing) CD

€ 16,50 € 12,50 CD Rune Grammofon

[audio:http://www.flur.pt/mp3/RCD2146-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/RCD2146-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/RCD2146-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/RCD2146-4.mp3,http://www.flur.pt/mp3/RCD2146-5.mp3]

Os Fire! voltam ao trio original depois de uma bem-aventurada caminhada com convidados – Jim O’Rourke e Oren Ambarchi – e um poderoso álbum em formato orquestra – “Exit!”, saído no início deste ano. O que significa que voltam os diálogos de “You Liked Me Five Minutes Ago” de 2009: Mats Gustafsson em saxofones, electrónica e Fender Rhodes; Johan Berthling em baixo e guitarra eléctrica; e Andreas Werliin em bateria. O ponto de partida, surpreendente, foi “Letter To Emma Bowlcut”, um livro de ilustrações de Bill Callahan, reeditado pela Drag City em 2010, de onde partiram os nomes dos temas. Para quem prefira ouvir Fire! em total combustão, este é o disco do momento: mesmo nos momentos mais calmos, há uma energia contida que parece potencializar uma carga avassaladora. “Standing On A Rabbit”, que abre o álbum, e nos deleita com uma torrente de noise electrónico, explica que não estamos aqui enganados e que é sobre os músculos do cérebro que a nossa atenção se deve concentrar. No meio de tantos sinais rock do trio é complicado dizermos que este é um disco de jazz, até porque este é um dos seus discos mais acessíveis, mas é ainda isso que se sente quando alguém tem que passear fora dos riffs ou das estruturas delineadas. Para quem prefere voos jazz mais altos, Fire! voa para outros destinos turísticos – e é por isso que tanto nos tem encantado seguir este grupo. E embora Berthling seja absolutamente unificador e Werliin seguro e forte como um rochedo, é o poder cuspidor de fogo de Gustafsson que continua a maravilhar-nos para além do limite. Que nunca pare de soprar.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , / / Comentar: aqui »