Quarta-feira, 2 Março, 2016

THE POP GROUP For How Much Longer Do We Tolerate Mass Murder? CD / LP

€ 14,95 CD (2016 reissue) Freaks R Us

€ 26,95 LP (2016 reissue) Freaks R Us

[audio:http://www.flur.pt/mp3/FREAK19-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/FREAK19-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/FREAK19-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/FREAK19-4.mp3,http://www.flur.pt/mp3/FREAK19-5.mp3]

Aqui estamos de novo na zona criativa onde já nos encontrámos incontáveis vezes desde que a loja abriu: passagem dos 70s para os 80s. Pop Group conduziam a fúria e revolta do punk por manifestações bem mais sofisticadas e vanguardistas. A mensagem política omnipresente, a denúncia de injustiças e males económicos sustentam música progressista, energética, com razão chamada de punk-funk porque, nota-se, a batida está lá como sinal dos tempos, ok, mas também porque é no movimento do corpo que alguns males se espantam. “We Are All Prostitutes”. Mark Stewart grita que toda a gente tem um preço, ninguém é inocente. “Capitalism is the most barbaric of all religions”. Se já se proclamava isto em 1980 (mais de um século depois de já se ter percebido mais ou menos isso), a mensagem soa ainda mais relevante nos nossos dias. E qualquer nota sobre o som ser “de época” cai por terra perante a energia que a banda transmite. Exagerando um pouco, é como alguns discursos famosos, na História, que representam não só a época em que foram proferidos mas um sentimento transmissível através dos anos, das pessoas, porque as circunstâncias, no essencial, se vão mantendo ou manifestando de formas que ainda exigem acção ou reacção. Soberbo disparo que, como um very light, lança luz sobre zonas inóspitas da sociedade e do género humano.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , / / Comentar: aqui »