Segunda-feira, 5 Fevereiro, 2018

DATACIDE Ondas CD

€ 16,50 CD (RI 040) Rather Interesting

Exemplares originais SELADOS da edição alemã de 1996 / Original 1996 German release. SEALED. Sound clips and sleeve not from actual copy.

OUVIR / LISTEN
Holy Microwave
Good Vibe
Onsurf (Hello Mr. Wilson!)
Eternal Frequency


Em 96, Uwe Schmidt e Tetsu Inoue já traziam no currículo três Datacide (“I”, “II” e “Flowerhead”), mas “Ondas” representa uma outra avenida, em consonância com a presença forte, na época, da exotica, lounge e easy listening na pop e na música de dança. Burt Bacharach, Les Baxter, Martin Denny e, até, a exotica pop de Brian Wilson (há aqui uma faixa chamada “Onsurf (Hello Mr. Wilson!)”. “Ondas” reinventa de facto a postura em relação ao revivalismo “easy”, não só através de uma certa distância digital que dá à música uma qualidade de miragem mas também reforça a nostalgia, que deixa de ser palpável como outros eram na época (crooners a imitar crooners ou secções de cordas a imitar clássicos) para se assumir mais abstracta e, com isso, universal. Além disso, as faixas, relativamente longas, são quebradas por diversos ambientes no mesmo espaço, mudando abruptamente de tom (“Holy Microwave” é um excelente exemplo). Álbum magnífico para escutar com rigorosa atenção, para aceder devidamente a um “mundo de prazer”.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Quinta-feira, 9 Novembro, 2017

DJ LYCOX Sonhos & Pesadelos LP

€ 12,50 LP (hand-painted sleeve) Príncipe

Lycox vem com créditos Tia Maria Produções. O EP da crew, em 2014, incluía o fantástico “O Tempo Da Vida” (Lycox) e é um pouco desse sentimento que captamos em “Solteiro”, a faixa de avanço neste álbum. Impossivelmente romântico e tropical, ao lado da norma, puxando por vozes sintéticas que acentuam uma certa melancolia. Rico nos detalhes de produção, o resto do álbum não procura tão activamente o romance (mas atenção ao sentimento em “Virgin Island” e “Sky”) mas tem um house abençoado (“Domingo Abençoado”), triste por só durar 2 minutos, e opera bem uma qualidade cromada no futurismo afro-cêntrico em faixas como “Weekend” ou “Galinha”. A derivação em relação à matriz do kuduro exibe as ideias vanguardistas de Lycox, nesta música juvenil, naturalmente rebelde, mas agregadora e com tudo pela frente.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Terça-feira, 31 Outubro, 2017

DAPHNI Joli Mai CD / 2LP

€ 11,50 CD Jiaolong

€ 16,50 2LP Jiaolong

Daphni e Four Tet têm evoluído a par, numa renovação da música de dança de raiz house, até numa maneira de estar, num tipo de polimento inquestionavelmente dos nossos tempos que aplicam nas suas produções. “Joli Mai” resulta parcialmente de uma mix feita por Daphni para a série Live da editora Fabric. Falamos em house mas “Face To Face”, por exemplo, parece recuar a 2002 e a Playgroup / DFA, com marcação de baixo e bateria bem na frente. Como a capa mais ou menos indica, a música no álbum é em cores vivas, sem uma âncora definida que não seja um trabalho especificamente executado para a pista de dança. “Tin” manda aquele gaguejar de teclado quase trance, quase Faithless, que ajuda a trabalhar crescendos e quebras de forma quase universal para quem dança. Não que se note especialmente, pelo menos não de forma super deliberada, mas “Joli Mai” reúne aspectos carismáticos da música de dança dos últimos 40 anos, e nesse processo reapresenta Daphni como um filtro pertinente. Quem dança toma contacto com alguma história, ainda que possa não se aperceber. Sem enganos, o álbum quer chegar às pessoas e termina em tom muito esperançoso, na música e também no título da faixa: “Life’s What You Make It”.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Terça-feira, 31 Outubro, 2017

COIL Another Brown World / Baby Food LP

€ 18,95 LP Sub Rosa

OUVIR / LISTEN
Another Brown World
Baby Food

“Another Brown World” apareceu na compilação “Myths 4″ em 1989, um daqueles exemplos de discos (tal como a editora Touch também fazia frequentemente) que juntam Ocidente e Oriente, Hemisfério Sul com o Norte, avant-garde com tradição, e então temos também, nessa mesma compilação, um nome como Cheb Mami. Coil mantêm, por 12 minutos, um motivo meio dub de orgão, em torno do qual se entrelaçam sons invertidos, vozes e uma linha de baixo, como se fossem serpentes em torno de um tronco. O tom esperançoso do som de orgão tem de conviver com uma atmosfera mais pesada, de lugar nenhum, uma invenção ou um sonho. “Baby Food” apareceu em outra compilação da Sub Rosa, “Chaos In Expansion” (1993), e é tida como a primeira gravação de Coil com o sistema Sidereal Sound, usado mais tarde em discos de Coil quando assumiam a entidade ELpH (no CD “Worship The Glitch” surge a frase “This is a Sidereal™ Sound Recording untouched by human hands.”). “Baby Food” aproxima-se dessa fase de ELpH e já de “Time Machines” (a ser reeditado muito em breve) e desenvolve uma pulsação sónica redonda, suave, cósmica, evolutiva, que incorpora, mais à frente, uma atmosfera mais carregada (de novo com motivos de orgão) por cima do tapete original. Dois momentos memoráveis de Coil, já depois da fase mais conotada com a cena industrial.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Quinta-feira, 26 Outubro, 2017

THE WIRE #405 (November 2017) REVISTA

€ 6,95 REVISTA + CD The Wire


NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation


/ / Etiquetas: , , / / Comentar: aqui »

Quinta-feira, 26 Outubro, 2017

LCD SOUNDSYSTEM American Dream CD / 2LP

€ 16,95 CD Columbia

€ 25,95 2LP Columbia

Sem stress. Comentamos um disco já mais que comentado, mas se é verdade que dificilmente se esperaria um disco genial, também dificilmente seríamos desapontados pela ironia e capacidade de observação de James Murphy, bem como o seu cuidado na produção. LCD continuam a ser uma espécie de banda oficial de tributo aos seus heróis e, nesse processo, acabaram por quase se transformar numa banda de estádio. No entanto, após a escuta de “American Dream”, não restam ressentimentos. na pior das hipóteses, se mais álbuns de LCD Soundsystem chegarem no futuro, serão provavelmente discos que entram automaticamente no mercado sem destaque extraordinário. Por outro lado, talvez isso faça eclipsar precisamente o que parece assustar James Murphy: a pressão. Passam a não ser nada de especial e, assim, a sua música pode desenvolver-se em paz. Porque, apesar do que dizemos, é importante.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , / / Comentar: aqui »

Quarta-feira, 25 Outubro, 2017

B12 (Electro-Soma) 2LP

€ 28,95 2LP (2017 reissue) Warp

OUVIR / LISTEN:
CLIP1CLIP2CLIP3CLIP4CLIP5

A história da Warp, nesses primeiros anos 90, é muito central na mais alargada história da música electrónica. O que a série Artificial Intelligence (da qual este álbum é o número 4) conseguiu foi, efectivamente, cunhar uma estética relativamente bem definida, uma fusão entre techno de Detroit, House de Chicago e um certo ambientalismo europeu. “(Electro-Soma)” permanece como uma visão do futuro e, mais do que isso, um desejo desse futuro alimentado pela já vasta cultura de ficção científica disponível na época, alimentado também pela tecnologia em avanço rápido, não apenas a tecnologia musical mas a do dia-a-dia. Cordas muito presentes e emotivas, caixa-de-ritmos seca e linha de baixo frequentemente na fronteira do ácido. Se tivermos de identificar um momento-chave, no álbum, é certamente “Obsessed”, a quarta faixa. Não só reúne todas as características acima como se tornou icónica pelo seu groove característico e aproximação “inteligente” à pista de dança. Tempos de descoberta, ainda.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Quarta-feira, 25 Outubro, 2017

WAND Plum CD / LP

€ 12,50 CD Drag City

€ 17,95 LP Drag City

[audio:http://www.flur.pt/mp3/DC673CD-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/DC673CD-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/DC673CD-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/DC673CD-4.mp3,http://www.flur.pt/mp3/DC673CD-5.mp3]

O anterior álbum na Drag City, “1000 Days”, foi um dos melhores álbum de rock que por aqui passaram nesta década. A banda de Cory Hanson sabe fazer as coisas bem e no registo do menino bonito da Drag City actual – Ty Segall, claro – os Wand reinventam-se neste “Plum”. Álbum leve, encostado a “The Bends” dos Radiohead se já tivessem gravado “Amnesiac”. Talvez seja estranho ver os Wand assim, mas o psicadelismo está lá e a dinâmica de coscuvilhar o passado em busca de rock que fale nos 2000s surge com uma roupagem pop que é encantadora. Quando já nada parece salvar o rock nesta década, há um “Plum” a dar esperança. Parece o disco que Jay Reatard deixou por fazer.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , / / Comentar: aqui »

Quarta-feira, 25 Outubro, 2017

HYPE WILLIAMS Rainbow Edition CD / LP

€ 14,95 CD Big Dada

€ 18,95 LP Big Dada

[audio:http://www.flur.pt/mp3/BD283-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/BD283-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/BD283-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/BD283-4.mp3,http://www.flur.pt/mp3/BD283-5.mp3]

Se o ritmo de edições do universo Hype Williams está a cansar neste ano, então é porque algo está mal na vossa vida. Por nós, poderia sair qualquer coisa de novo nesta semana. Dean Blunt tem estado activíssimo a buscar pérolas do passado recente (haverá mais novidades sobre isso em breve) e conseguiu reactivar os Hype Williams com este “Rainbow Edition”, algo que, mesmo após todas as partidas que nos pregaram, não estávamos à espera. O ponto final dos Hype Williams parecia definitivo. Não era. Ainda bem. Vinte novos temas de Dean Blunt e Inga Copeland em busca de um futuro que já existe, onde tudo conflui e bate certo. O tempo não passou, a invenção e a reinvenção que oferecem a cada momento continua a ser um oásis na música popular actual. Temos uma sorte do caraças em viver num presente onde se faz música assim. Talvez hoje um disco como “Rainbow Edition” não seja tão quintessencial como seria há dois ou três anos, mas ainda é o melhor comprimido para evitar a anestesia global. Ainda são os maiores.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Quarta-feira, 25 Outubro, 2017

LEE GAMBLE Mnestic Pressure CD / LP

€ 16,50 € 11,50 (-30%) CD Hyperdub

€ 19,50 € 14,95 (-24%) LP Hyperdub

A sensação de déjà-vu raramente é tão boa. Desde o magnífico “Diversions 1994-1996” que Lee Gamble tem criado labirintos de nostalgia em volta da música de dança britânica. O que faz está ligado à complexidade teórica em volta dos seus trabalhos e não voltou a estar tão ligado desde a sua estreia na PAN. Até agora. Este “Mnestic Pressure” é o que “Diversions” era para o jungle/garage aplicado ao universo da Hyperdub. Uma deconstrução violenta e psicadélica de uma electrónica/dança que se enraizou nesses géneros ao longo da última década. Um álbum em constante suspensão, sem a magia do tempo – a nostalgia agravada entre os 1990s e “Diversions” – mas com uma visão precisa de rearranjar os fluxos e a fluência da electrónica actual. “Mnestic Pressure” é um disco de Aphex Twin no seu auge sem a pressão de cumprir: e, por isso, Lee Gamble aqui tem mais liberdade. E no seu melhor é o céu. Parem tudo o que estejam a fazer e oiçam “UE8” em repeat até ao final dos dias. Até faz abanar a terra.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Quarta-feira, 25 Outubro, 2017

KLEIN Tommy EP MLP

€ 8,50 MLP Hyperdub

[audio:http://www.flur.pt/mp3/HDB112-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/HDB112-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/HDB112-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/HDB112-4.mp3,http://www.flur.pt/mp3/HDB112-5.mp3]

De James Ferraro a Hype Williams, passando por Lee Gamble, Klein percebeu como criar novos degraus na quebra de linguagens (e géneros) e desenvolver nuvens de som que divagam com um bom travo pelos caminhos do R&B, soul, jazz, electrónica e jungle. Há sempre algo de vertiginoso a acontecer e em “Tommy” sente-se o embrião a despoletar (o seu material anterior ainda era um pouco desajeitado). Estranho, dissonante e anárquico mas com qualquer coisa de saboroso nesta viagem sem caminho.


NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Quarta-feira, 25 Outubro, 2017

GRAEME MILLER & STEVE SHILL The Moomins CD / LP

€ 12,95 € 12,50 (-4%) CD Finders Keepers

€ 19,50 € 17,95 (-8%) LP Finders Keepers

[audio:http://www.flur.pt/mp3/FKR090LP-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/FKR090LP-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/FKR090LP-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/FKR090LP-4.mp3,http://www.flur.pt/mp3/FKR090LP-5.mp3]

Demorámos alguns meses a repor esta maravilha que apareceu no catálogo da Finders Keepers neste ano. A banda-sonora da série de animação “The Moomins” é um dos discos mais ricos de electrónica que nos surgiram neste ano. É uma tripe descomunal, um disco de library orelhudo e uma exótica impossível de imaginar. O que custa em aceitar em “The Moomins” é não ter bem a certeza que drogas Graeme Miller e Steve Shill andavam a tomar. Fosse o que fosse, era coisa boa, e há uma riqueza absurda nestes temas de dois minutos. Vigoroso e lindíssimo, arruma por completo o Vince Guaraldi.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Quarta-feira, 25 Outubro, 2017

MARIA TERESA LUCIANI Sounds Of The City LP

€ 19,50 € 17,95 (-8%) LP Finders Keepers

[audio:http://www.flur.pt/mp3/FKR093LP-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/FKR093LP-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/FKR093LP-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/FKR093LP-4.mp3,http://www.flur.pt/mp3/FKR093LP-5.mp3]

Há uma galáxia futurista neste trabalho de 1972 de Maria Teresa Luciani. Uma cidade imaginada por si, repleta de sons que se abatem sobre uma ideia de “pré-industrial” e que desenham paisagens entre a electrónica e uma espécie de folque impossível de existir naquela década. “Sounds Of The City” é uma paleta de sons absolutamente mágicos, uma aventura de psych-jazz e electro-acústica que parece ter saído de um manifesto futurista: é como imaginar que estas máquinas todas estavam nas mãos deles no início do século XX. Magnífico e um dos melhores lançamentos da Finders Keepers dos últimos anos.


NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Quarta-feira, 25 Outubro, 2017

BURIAL Rodent 10″

€ 9,50 10″ Hyperdub

OUVIR / LISTEN
Rodent
Rodent (Kode9 RMX)


NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Quarta-feira, 25 Outubro, 2017

MAXIMUM JOY I Can’t Stand It Here On Quiet Nights: Singles 1981-82 2×12″

€ 17,50 2×12″ Silent Street

[audio:http://www.flur.pt/mp3/SSR001-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SSR001-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SSR001-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SSR001-4.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SSR001-5.mp3]

Maximum Joy não tiveram carreira longa – um álbum + mão cheia de singles entre 1981 e 83 – mas os efeitos do seu cruzamento pop/dub chegam até hoje. Ainda há pouco tempo ouvimos Lerosa largar uma das suas faixas no festival Lisb/ON, e a verdade é que, criativamente, é compatível com house (era o caso). O ênfase no baixo é bem presente, a propulsão rítmica fundamental, nesta banda que ecoava, de certa forma, o que Bush Tetras faziam em Nova Iorque, embora estas explorassem um lado mais sombrio do punk-funk – “In The Air” de Maximum Joy não é assim tão distante de “Can’t Be Funky”, de Bush Tetras. Esta compilação de singles é rigorosa ao ponto de incluir “Do It Today”, tirado de um split com The Higsons, mas deixa de fora “Why Can’t We Live Together” – talvez por questões autorais? é uma versão de Timmy Thomas – e o seu lado B “Man Of Tribes”. Ainda assim, o material presente é sólido e importante. Pretexto para voltar a reflectir sobre esses anos radicais na exploração pop/dança/dub.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Quarta-feira, 25 Outubro, 2017

BARK PSYCHOSIS Hex CD

€ 16,50 € 11,95 (-28%) CD (2017 reissue) Fire Records

€ 26,50 2LP (2017 reissue) Fire Records

OUVIR / LISTEN:
CLIP1CLIP2CLIP3CLIP4CLIP5

Este álbum hipnótico, editado em 1994, mantém uma aura incrível em 2017, sustentada por um certo espírito revolucionário da pop. Com um quê de Prefab Sprout e, até, de Frazier Chorus, Bark Psychosis não ascendem a uma superfície tão visível, mantendo-se numa certa sombra, como se estivessem permanentemente na penumbra do seu espaço de ensaio na Igreja de St John The Evangelist, em Londres. Todo o álbum transmite uma sensação de intimidade muito forte, uma espécie de presença “ao vivo”. O pouco rock neste “pós-rock” é substituído por uma veia clássica, ambiciosa, pomposa até, mas não necessariamente barroca. Sente-se um verdadeiro desígnio de elevação de espírito, uma complexidade no desenho melódico e uma paixão tranquila transmitida pela voz. Bonito, mesmo.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , / / Comentar: aqui »

Quarta-feira, 25 Outubro, 2017

LIZ TORRES featuring MASTER C & J Can’t Get Enough CD / LP

€ 9,95 CD (CD LIZ T 1) Jack Trax

€ 8,00 LP (LIZ T 1) Jack Trax

Exemplares originais da edição inglesa de 1988 / Original 1988 UK release. CD shows very light marks; LPs are new but sleeves have a bit of water damage. Sound clips and sleeve not from actual copies.

OUVIR / LISTEN

Can’t Get Enough, Face It, No More Mind Games, In The City, What You Make Me Feel, Mama’s Boy

Álbum fundamental na história da house, parceria imbatível entre a dupla de produtores de Chicago Master C & J (quase tudo em que tocaram é ouro) e a vocalista Liz Torres, cuja voz e atitude ficam para sempre como exemplos de diva house com classe, sem a histeria Hi-NRG que ficou afinal como padrão. Recheado de clássicos da Trax e outras editoras (“Face It”, “Can’t Get Enough” e “In The City”, por exemplo), o disco representa a melhor espécie de combinação entre um fundo rítmico/sonoro espartano e cru e a voz soul e sensual, uma combinação que anos mais tarde viria a alimentar os sonhos molhados de produtores como Richard-X, conhecido por sobrepôr nos seus mash-ups temas electrónicos ditos “frios” com vozes soul como Whitney Houston. Liz Torres e Master C & J pertencem também à época em que os live acts de house tinham algo de dinâmico para oferecer – vejam por exemplo os excertos de uma actuação sua no Paradise Garage, em Nova Iorque, para a sensação do que poderia ser uma noite para perder a cabeça. Essencial.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Quinta-feira, 19 Outubro, 2017

HOTLINE You Are Mine LP

€ 16,50 LP (2017 reissue) Soundway

[audio:http://www.flur.pt/mp3/SNDWLP114-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SNDWLP114-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SNDWLP114-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SNDWLP114-4.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SNDWLP114-5.mp3]

Volta e meia aparecem reedições que no seu tempo desafiaram os géneros por inúmeras razões. “You Are Mine” é uma daquelas minas de ouro de boogie, tudo bate certo na disfuncionalidade que aqui vai acontecendo: um pouco como o trabalho de Wicked Witch. Originalmente editado em 1986, os Hotline (Lagos, Nigéria) produziram boogie quente e completamente tolo que hoje sobrevive ao tempo com uma classe descomunal: até os falsettos de “Stay Close” envelheceram bem. Se a compilação da Soundway “Doing It In Lagos” era obrigatória, “You Are Mine” tem de ficar ao lado na colecção. Bomba.


NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Quarta-feira, 4 Outubro, 2017

FOUR TET New Energy CD / 2LP

€ 12,50 € 9,95 (-20%) CD Text

€ 22,95 2LP Text

[audio:http://www.flur.pt/mp3/TEXT046CD-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/TEXT046CD-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/TEXT046CD-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/TEXT046CD-4.mp3,http://www.flur.pt/mp3/TEXT046CD-5.mp3]

Novo álbum de Four Tet, dois anos após “Morning / Evening”, “New Energy” é um título sorridente para um álbum quase todo ele produzido num laptop, com uma visão informal dos ambientes que Four Tet nos deixou no passado. Há uma cadência lenta em muitos dos temas de “New Energy”, um fascínio cego por correntes de música ambiental que têm surgido nos últimos anos: não é ao calhas que “Two Thousand And Seventeen” aponta para o ano e é um tema entre o ambiental e o pop que refresca bem muitos elementos da pop da memória recente. “New Energy” esquece o deserto criativo de alguns momentos na história de Four Tet, momentos de limbo que existiram na sua – já longa – carreira. É um impulso que corteja o presente e traz melodias imparáveis, sem voz, algures entre a pista e a electrónica ambiental.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , / / Comentar: aqui »

Quarta-feira, 24 Dezembro, 2014

NU-WORLD A Bran Nu-World 12″

€ 8,00 12″  Tom-Tom Club (TTC005)

Exemplar original de 1992 em excelente estado! / Original 1992 release. EXC

<a href="http://www.youtube.com/watch?v=6X5kyxcqQkE?hl=en"><img src="http://blog.flur.pt/wp-content/plugins/images/play-tub.png" alt="Play" style="border:0px;" /></a>

Se escutaram o clip acima (“We Three Strings Mix”) captaram a forte ligação com Disco que esta malha tem. É um exemplo extremamente feliz (literalmente feliz), em 1992, da continuidade entre Disco e House. As cordas oferecem o contraponto perfeito para o beat sintético, há uma linha de baixo por cima da linha de baixo, para aumentar ainda mais o sorriso, o piano reforça tudo, há claps que provocam arrepios; mais á frente, um sintetizador a sugar tudo para cima e são 9 minutos de magnífica suspensão no tempo, num lugar privilegiado que nos permite, de facto, observar como um género se transmutou em outro com total coerência e objectividade, aproveitando do passado os sons correctos para a transmissão da mensagem. Os 23 anos que passaram desde que o disco foi editado nada significam. Esta música é de agora, e este agora é sempre.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation


/ / Etiquetas: , , , , , , / / Comentar: aqui »