Quarta-feira, 19 Julho, 2017

SHACKLETON with ANIKA Behind The Glass 2LP

€ 19,95 2LP Woe To The Septic Heart

[audio:http://www.flur.pt/mp3/SEPTICLP02-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SEPTICLP02-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SEPTICLP02-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SEPTICLP02-4.mp3]


NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , / / Comentar: aqui »

Segunda-feira, 24 Abril, 2017

SHACKLETON & VENGEANCE TENFOLD Sferic Ghost Transmits 2×12″

€ 17,95 2×12″ Honest Jons

[audio:http://www.flur.pt/mp3/HJP084-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/HJP084-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/HJP084-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/HJP084-4.mp3,http://www.flur.pt/mp3/HJP084-5.mp3]

Este caminho cada vez mais profundo, que Shackleton tem trilhado, sugere uma dedicação ou, pelo menos, uma atenção especial a mundos paralelos, interiores, exteriores, habitualmente intangíveis. tal como o magnífico álbum com Ernesto Tomasini, “Sferic Ghost Transmits” mantém uma forte linha esotérica, entre transe ritual, invocações mágicas, locais místicos e uma ambiência consistentemente tensa e em expectativa. Nocões primitivas de vida e comportamento, referências próximas de alguns sectores da cultura de música industrial, longe já de géneros definidos, em missão evangélica que só o próprio Shackleton saberá explicar conveniente. Ou, sem o explicar, talvez diga que o que precisamos de saber se encontra nos sons que organizou para este álbum.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , / / Comentar: aqui »

Segunda-feira, 8 Agosto, 2016

SHACKLETON with ERNESTO TOMASINI Devotional Songs CD / 2×12″

€ 10,50 CD Honest Jon’s

€ 16,50 2×12″ Honest Jon’s

[audio:http://www.flur.pt/mp3/HJP081-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/HJP081-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/HJP081-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/HJP081-4.mp3]

O CV de Ernesto Tomasini é grande demais para uma abordagem que lhe faça justiça. Actor, performer, vocalista numa banda prog rock, colaborações com Nurse With Wound, Current 93, Marc Almond, Peter Christopherson (Coil), actuações na Semana da Moda de Londres; no cinema, envolvido em trabalhos de Kevin Spacey, James Ivory e Ridley Scott. Quanto a Shackleton, já não é estranha a dimensão ritualista da sua música mas, em “Devotional Songs”, ascende a um plano bastante clássico, por vezes quase medieval. Reflexões sobre a condição humana, cantadas em tom épico, sério, ancestral, por Tomasini, aproximando-o de alguns dos nomes com os quais tem colaborado (ocorre-nos Marc Almond, por exemplo) e de uma carga profundamente artística que uma certa tradição de música esotérica transmitia. Shackleton mantém ênfase na percussão, mas neste disco a batida respeita o ritmo das palavras, forma-se à sua volta e, quando se exibe sozinha, prolonga o sentimento das mesmas. Ligações à tradição minimalista, também, como em “Twelve Shared Addictions” ou nas marimbas de “Father, You Have Left Me”, reforçam uma aura vanguardista que, embora arriscando o pretensiosismo, sai fortificada do outro lado da escuta deste disco. Um objecto estranho e, se quisermos vê-lo assim, uma incrível mutação a partir de um passado (agora mais ou menos remoto) de Shackleton na cena dubstep. Belo álbum.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Sábado, 5 Dezembro, 2015

SHACKLETON Deliverance Series #1: Be At His Command 12″

€ 10,50 12″ Woe To The Septic Heart

[audio:http://www.flur.pt/mp3/DS1-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/DS1-2.mp3]


NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , / / Comentar: aqui »

Sábado, 5 Dezembro, 2015

SHACKLETON Deliverance Series #3: Headcleaner 12″

€ 10,50 12″ Woe To The Septic Heart

[audio:http://www.flur.pt/mp3/DS3-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/DS3-2.mp3]


NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , / / Comentar: aqui »

Quarta-feira, 16 Abril, 2014

SHACKLETON Freezing Opening Thawing 12″

€ 9,50 12″ Woe To The Septic Heart

[audio:http://www.flur.pt/mp3/SEPTIC05-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SEPTIC05-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SEPTIC05-3.mp3]

Parece de novo negócio africano na cena Shackleton, desta vez quase uma manobra deturpada a partir da singular visão Shangaan que conhecemos de há uns anos. Mas aqui há uma série de camadas extra, algum trance, marimba sintética dos 80s, pressão atmosférica num ritmo que não é techno mas também está longe, muito longe, de se adequar a qualquer conveniência bass do passado. Chapéu de explorador bem assente em Sam Shackleton no périplo que continua a fazer, a partir de Berlim, por território que só não é fictício porque ele anda a fazer mapas para tudo isso. Exotica de um século XXI bem avançado, mais avançado que estes anos 10, talvez.

NOTA: Artigo sempre sujeito a confirmação de stock e preço

PLEASE NOTE: Item always subject to stock and price confirmation

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , / / Comentar: aqui »

Sexta-feira, 1 Junho, 2012

SHACKLETON The Drawbar Organ part 3 12″

€ 9,50 12″ Woe To The Septic Heart  ENCOMENDAR

[audio:http://www.flur.pt/mp3/SEPTIC4-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SEPTIC4-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SEPTIC4-3.mp3]


Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , / / Comentar: aqui »

Sexta-feira, 1 Junho, 2012

SHACKLETON The Drawbar Organ part 2 12″

€ 9,50 12″ Woe To The Septic Heart  ENCOMENDAR

[audio:http://www.flur.pt/mp3/SEPTIC3-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SEPTIC3-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SEPTIC3-3.mp3]


Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , / / Comentar: aqui »

Sexta-feira, 1 Junho, 2012

SHACKLETON The Drawbar Organ part 1 12″

€ 9,50 12″ Woe To The Septic Heart  ENCOMENDAR

[audio:http://www.flur.pt/mp3/SEPTIC2-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SEPTIC2-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SEPTIC2-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SEPTIC2-4.mp3]


Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , / / Comentar: aqui »

Sexta-feira, 1 Junho, 2012

SHACKLETON Music For The Quiet Hour / The Drawbar Organ EPs 2CD

€ 14,95 2CD Woe to The Septic Heart  ENCOMENDAR

[audio:http://www.flur.pt/mp3/SEPTICCD001-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SEPTICCD001-2.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SEPTICCD001-3.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SEPTICCD001-4.mp3,http://www.flur.pt/mp3/SEPTICCD001-5.mp3]

Shackleton mergulha mais fundo no seu mundo de som e isso significa estar cada vez menos alinhado pela corrente dubstep com a qual era identificado. A incrível viagem proporcionada pela sua selecção para a série de CDs do clube Fabric tem, de certa forma, continuação neste duplo que reúne alguns EPs antes disponíveis apenas em vinil. A tradição do experimentalismo sónico com um coração exótico atinge aqui uma expressão muito completa. A decadência de um mundo ultra-moderno funde-se com os tambores e as folhagens ocultas na selva profunda. Ouvimos música tensa, que anuncia acontecimentos só possíveis de materializar na nossa imaginação. A interpretação que Shackleton faz da herança dub é magnífica, até porque não é imediatamente perceptível, obrigando não a uma descodificação mas a uma atenção dedicada – como em tanta outra música, somos amplamente recompensados se quisermos / pudermos dedicar a atenção devida ao que se passa. A parte 5 de “Music For The Quiet Hour”, que encerra o primeiro CD, tem a participação de bedouin Ascent, um dos nomes fundamentais, durante os 90s, na subversão do padrão drum & bass oriental que se tornou norma. Ele apontava para uma terra de ninguém, como Shackleton agora acede a níveis superiores de composição para mapear novos territórios.

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , / / Comentar: aqui »

Quarta-feira, 5 Janeiro, 2011

SHACKLETON vs KASAI ALLSTARS / BURNT FRIEDMAN vs KONONO Nº1 Mukuba Special / Rubaczech 12?

€ 8,50 12″ CNG  ENCOMENDAR

[audio:http://www.flur.pt/mp3/CNG1-1.mp3,http://www.flur.pt/mp3/CNG1-2.mp3]

Burnt Friedman aumenta as polirritmias que gosta de trabalhar, reconhece-se a sua marca, tal como Shackleton, com mais um pedaço de selva para assombrar o imaginário de quem ouve e gosta de mistério. Mark Ernestus coloca um enorme filtro sobre o original de Knono Nº1 para um super dub que quase não tem agudos nem médios.


Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , , , , / / Comentar: aqui »

Quinta-feira, 8 Outubro, 2009

SHACKLETON Three EPs CD / 3LP

€ 12,95 CD Perlon  ENCOMENDAR

€ 22,95 3LP Perlon  ENCOMENDAR

Shackleton é desde há muito um nome que se desvinculou das regras estritamente dubstep para intensificar as suas forças com componentes associados ao techno. Praticamente desde que se começou a falar em bass culture que se têm ouvido híbridos estimulantes conduzidos por sons graves (o baixo é o batimento cardíaco mas também, em muitos casos, a respiração da música). Na era dubstep privilegia-se o espaço mais do que a complexidade rítmica, procura-se o transporte de quem ouve para zonas alienígenas (ou simplesmente “estrangeiras”, como é o caso do flirt que alguns produtores mantêm com estéticas orientais), não necessariamente para o Espaço exterior mas muito para o espaço interior. A Perlon ter-se-á aproximado sobretudo com o álbum “Thé Au Harem D’Archimedes” de Ricardo Villalobos. Mais tarde, Villalobos remistura Shackleton. Agora, a presença de Shackleton na Perlon parece uma continuação lógica da progressão para dentro da música electrónica de clube, menos expansiva mas também sem ser minimal no sentido de “minimal” como estética (em descrédito, aliás). É música com relativamente poucos recursos sonoros mas uma aplicação dedicada desses recuros para máximo impacto. Esse impacto é tanto sonoro (num bom sistema de som) como visual, tal a capacidade geradora de imagens destas composições. Tudo tenso e dinâmico, não é um exercício de contemplação, os sentidos têm de registar uma série de pequenos detalhes (muitos deles associados à percussão e, por consequência, ao ritmo), é um álbum para descobrir com disponibilidade, algures entre as melhores coisas de Claro Intelecto e a ciência de Pole.

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , / / Comentar: aqui »

Quinta-feira, 18 Dezembro, 2008

SHACKLETON & APPLEBLIM Soundboy’s Gravestone Gets Desecrated by Vandals 2CD

skull-disco-soundboys-gravestone

€ 17,95 2CD Skull Disco  ENCOMENDAR

Sempre escuros e misteriosos, os caminhos do dubstep. Por vocação é uma música imersa em graves (“graves?”), gases e um sentimento de feitiçaria ancestral que convoca demónios vaporosos para o convívio com os terrestres. A imagem Skull Disco é desde logo evocativa de Floresta Negra, distinguindo-se nesse tom da imensidão urbana sonorizada por Kode9 ou Burial, por exemplo. Enquanto este último depurou cada vez com mais habilidade o legado hardcore do período jungle e rave, Shackleton e Appleblim apostam tudo no dub e na construção sobre o tapete deitado ao chão pela Basic Channel (uma das grandes referências em 2008, se procurarem bem em vários outros sítios). Isso acaba também por evidenciar uma das direcções mais consistentes no dubstep ’08: o encontro a meio caminho com o techno. A partir daqui os trunfos multiplicam-se. “Soundboy’s Gravestone Gets Desecrated By Vandals” marca também o fim da Skull Disco, uma editora pensada a prazo com a nobre intenção de aproveitar o máximo de criatividade enquanto é jovem. Os últimos singles aparecem aqui no primeiro CD, um choque de Oriente e África, Ocidente e o Nada, enquanto o segundo é composto por remisturas: T++, Pole, Geiom, Rupture, Brendon Moeller, Peverelist, Badawi e Bass Clef, adaptando cada vez mais livremente o padrão dubstep à medida que o disco se aproxima do final. Brendon Moeller provoca a maior ruptura com a mistura dub house para “Over Here”, Pole introduz silêncios abruptos, Badawi espalha tudo por uma mão cheia de sons afogados numa nuvem, Peverelist acelera para rotações diferentes, quase house ao dobro da velocidade. A Skull Disco acabou e esta é a sua última comunicação…

Artigos relacionados


/ / Etiquetas: , , , , / / Comentar: aqui »